Prazeres da mesa

Notícias

Claude Troisgros e Laurent Suaudeau caem no samba

Franceses representarão os chefs estrangeiros em desfile de escola de samba carioca no Carnaval 2018

Por: Prazeres Da Mesa | 10.jan.2018

Da redação

Se hoje há um movimento de valorização da cozinha e dos ingredientes brasileiros, temos de agradecer aos chefs que tanto lutaram (e lutam) para que nossa culinária seja preferida em relação ao que vem de fora.

Basta pensar que há cerca de 50 anos, chique era comer o que vinha de fora, receitas com ingredientes importados e base francesa. Arroz e feijão estavam fora dos menus dos restaurantes. Foi necessário que chefs estrangeiros pisassem em solo tupiniquim para abrir os olhos para a cozinha brasileira. Claude Troisgros e Laurent Suaudeau são alguns dos nomes que revolucionaram a nossa gastronomia, no final dos anos 1970.

Emerson Pedrosa (Kalango), Claude Troisgros (Olympe e apresentador do programa Que Marravilha!, do GNT), o carnavalesco Severo Luzardo, Kátia Barbosa (Aconchego Carioca), João Diamante (Fazenda Culinária) e Flavia Quaresma

Emerson Pedrosa (Kalango), Claude Troisgros (Olympe e apresentador do programa Que Marravilha!, do GNT), o carnavalesco Severo Luzardo, Kátia Barbosa (Aconchego Carioca), João Diamante (Fazenda Culinária) e Flavia Quaresma Foto: aquivo pessoal/ Flavia Quaresma

No século  XXI vemos a gastronomia cada vez mais presente na televisão e na vida das pessoas. Nunca se falou tanto sobre cozinha brasileira como nos últimos anos. E para destacar o tema e homenagear os chefs que lutam pela valorização do insumo nacional, a escola de samba carioca União da Ilha terá como enredo “Brasil bom de bom”, destacando a gastronomia brasileira no Carnaval 2018.

Nos carros não podiam faltar, claro, os chefs de todo o país. Flavia Quaresma teve a difícil missão de convidar apenas 35 profissionais, de 16 estados diferentes, para colocar os pés na avenida e representar a cozinha do Brasil. Todos farão parte do carro alegórico que vai encerrar o desfile da União da Ilha. A frente, estarão Claude Troisgros e Laurent Suaudeau, representando a importância de todos os chefs estrangeiros que ajudaram no crescimento da cozinha brasileira.

A escola será a terceira a se apresentar no grupo especial, na segunda-feira, 12 de fevereiro.

 

01/12

Matérias Relacionadas