Prazeres da mesa

Cinco estrelas juntas

Por: Prazeres Da Mesa | 7.dec.2017

O hotel Four Seasons George V em Paris é um dos endereços gastronômicos mais prestigiados da capital francesa

Ele é o primeiro Palace na Europa que oferece três restaurantes estrelados no Guia Michelin, resultando em um total de cinco estrelas juntas no Four Seasons George V. E todas são merecidas. Os restaurantes Le George e L’Orangerie receberam uma estrela cada um no Guia Michelin deste ano, enquanto Le Cinq, símbolo da alta gastronomia francesa, cujo chef é o renomado Christian Le Squer, conservou as três estrelas pelo segundo ano consecutivo.

Aqui, vou falar dos novos premiados. Em atmosfera luxuosa e ao mesmo tempo descontraída, Le George oferece um cardápio mediterrâneo com pratos saudáveis, saborosos e equilibrados. No comando da cozinha está o chef italiano Simone Zanoni, que evoca uma viagem de sabores entre a Riviera Francesa e o norte da Itália. Simone passou 12 anos nas cozinhas do restaurante três estrelas do renomado chef Gordon Ramsay, em Londres, e no Trianon Palace, em Versalhes, antes de integrar o George V, em setembro de 2016.

Suas criações são tradicionais, porém, revistas em uma versão mais moderna e leve, como o delicioso tartare de atum, o croustillant de arroz, os lagostins grelhados, o molho de mostarda de Crémone, o risoto de lula e champagne, ou o cabrito assado durante 36 horas. Destaca-se também, com a assinatura do chef, uma míni-tarte tatin de cebola com sorvete de parmesão. O cardápio é apresentado com diferentes temas, como crudos, entradas, massas e risotos, peixes, carnes e sobremesas. Outro diferencial da casa é a equipe, com cozinheiros especializados em cada segmento, com um italiano para as massas e um japonês para os peixes.

Já L’Orangerie é um restaurante ainda mais exclusivo, com apenas 18 lugares e um universo gastronômico excepcional. Inaugurado em junho de 2016, uma estrutura de 7 metros de altura, composta somente de vidro e aço, se funde harmoniosamente com o estilo art déco do Palace. Majestosas luminárias Lalique ornam com o restaurante e, no piso, encontra-se um elegante mosaico com motivos vegetais.

David Bizet é o chef de L’Orangerie, com currículo de 17 anos no restaurante Le Cinq. O cozinheiro criou um cardápio que mostra sua paixão pela natureza, com criações como aspargos verdes, molho ravigotte de trufas, parmesão ou franga do Perche, cogumelos tipo chanterelles, nabo kabu e Chartreuse verde. David cresceu na Normandia, degustando produtos de terroir, o que reforça seu esforço em utilizar apenas produtos da estação.

Outros de seus destaques são os abalones du Finistério, a alface-do-mar, o alho negro, o jus herbáceo, as molejas de vitela laqué, aspargos brancos e azedinha vermelha, e o ovo defumado, caviar imperial, agrião. As sobremesas, com pouco açúcar, como o croustillant de baunilha do Tahiti, os cereais maltados, a flor de vacherin e as framboesas ao anis são imperdíveis.

Uma dica preciosa para os dias mais quentes é reservar uma mesa no Cour aux Étoiles, um magnífico e florido pátio central, que dá acesso aos três restaurantes.

01/12
Marina Gobet_site

*Formada em gastronomia pela Lenôtre, a paulistana Marina Gobet tem a sorte de morar em Paris há mais de dez anos.

Colunas recentes

Colunas