Prazeres da mesa

DÁ PRA FAZER SUA REUNIÃO NO ESCRITÓRIO?

Por: Prazeres Da Mesa | 17.nov.2016

Antigamente sentava-se em um café pelo simples deleite do descanso. Para ficar à toa, para ver o tempo passar, para ler um livro em paz… para não fazer nada de nada. E esse antigamente não é tão antigo assim.

Sou fã de muitas casas de chá e de muitas cafeterias em São Paulo onde vivo. Mas também joguei muito tempo fora no Tortoni, em Buenos Aires; na Versalhes, em Lisboa; no The Vintage Emporium, em Londres; no Café des Deux Moulins, em Paris… e em tantos Starbucks pelo vasto território americano.

Sempre sem pressa, nunca enxotada por vendedoras afoitas para liberar mesas. E, que gostoso que tenha sido assim! Um cafezinho, uma fatia de torta e… voilá… uma hora preguiçosa com um livro no colo ou só observando a freguesia que entra, que sai. Quer jeito mais gostoso de gastar sua tarde de folga? Conheço poucas alternativas mais interessantes.

Dia desses, com duas horinhas de folga no meio da tarde, lá fui eu gastar meu tempo ocioso em um café que frequento há muitos anos. Sentei na mesa que ocupo desde sempre… pedi uma mini-patisserie, um café, uma água e mergulhei no livro que trazia na bolsa. Foi difícil a entrega.

Na mesa ao lado da minha, uma workhoolic travava negociação com outra moça tensa na mesma medida. Peguei uns rabos de conversa em que elas falavam sobre fazer follow-ups, usar a expertise, preparar um briefing para o cliente… alcançar a sinergia desejada… Aff, foi difícil jogar meu tempo fora, viu?

Fiquei me perguntando em que esquina, mesmo, perdemos a nossa capacidade de abstrair e por qual motivo passamos a acreditar que qualquer espaço pode ser ocupado para produzir resultados, fazer dinheiro, estreitar relacionamentos no mundo corporativo… Bares e cafés não prestam para isso. Ou não deveriam prestar.

Almoço é tempo para alimentar o corpo e dar um refresco para a alma. Meio da tarde é hora de trabalhar no escritório.Fim da tarde é momento de happy hour com os amigos, quando falar sobre o trabalho ou mal do chefe deveria sair da pauta. Podemos combinar assim e deixar que os bares e cafés retomem a sua vocação de alimentar os comensais e… nada mais?

INES Castro_pb

É jornalista, colunista da Rádio BandNews FM e autora dos livros Etiqueta da Beleza, A Moda no Trabalho e O Guia das Curiosas, pela Pandabooks. Em 30 anos de carreira, escreveu para as revistas Claudia, ELLE, Playboy, VIP e Marie Claire.

Colunas recentes

Colunas