Prazeres da mesa

Notícias

Doçura e borbulhas em harmonia

Loja de chocolates que aposta em harmonizações faz parceria com a Perrier-Jouët

Por: Prazeres Da Mesa | 19.apr.2017

Da Redação

Fotos Divulgação 

Uma loja de chocolate para maiores de 18 anos. Essa é a proposta da Chianti Chommelier, marca idealizada por Mariana Triveloni, uma publicitária que decidiu unir duas paixões: o chocolate e o vinho. O seu objetivo inicial era de oferecer chocolates 100% belgas harmonizados com variados tipos de vinhos, mas a ideia deu tão certo que Mariana decidiu ir além da bebida.

Depois de criar combinações inusitadas com uísques, cervejas, cafés e até azeites, agora é a vez do champanhe. Assim, firmou uma parceira com a Perrier-Jouët e desenvolveu seis chocolates que combinam com os rótulos Perrier-Jouët Blasón Rosé e Perrier-Jouët Grand Brut.

Para o Perrier Jouët Blasón Rosé foram criadas as trufas de rosas e pimenta-branca; de lavanda com limão siciliano; e de flor de laranjeiras. Para o Perrier-Jouët Grand Brut foram desenvolvidas as trufas de limão siciliano com manjericão, e de jasmim; e o bombom de violeta.

Mariana conta que a harmonização pretende criar um terceiro sabor na boca depois da junção de dois elementos. “Ele pode ser sentido como uma mudança de textura e acentuação de sabores. Em paladares mais apurados, exalta a combinação de aromas sutis e terciários de um dos ingredientes”, diz.

Na hora de desenvolver os chocolates, a especialista levou em conta dois princípios básicos da harmonização: o equilíbrio e o contraste. O equilíbrio é o método de harmonização mais fácil de ser percebida no paladar. “Nesse caso, ressalta um dos ingredientes principais do champanhe ou da trufa, como é o caso das rosas na trufa de rosas e pimenta branca”, conta.

Por sua vez, a harmonização por contraste utiliza sabores e aromas que não estão em evidência para complementar o gosto. “Um exemplo é um vinho com alta mineralidade harmonizado com um bombom que leva sal entre seus ingredientes. Não há sal no vinho, mas o processo produtivo ou o local de cultivo traduz um sabor que é ativado por especiarias ou pelo sal”.

A harmonização é uma evolução, segundo Mariana, por isso é preciso saborear com calma os produtos. Para facilitar, ela sugere dar três pequenos goles no champanhe intercalados com três mordidas no bombom. “A harmonia vai acontecendo no paladar e nas sensações aos poucos, não adianta ter pressa. Na última mordida do bombom, coloque a bebida junto na boca e a explosão de sabores acontece.”

A Chianti Chocommelier criou duas opções de kits para quem quiser experimentar as combinações. Ambos estão disponíveis sob encomenda, levam nove bombons mais uma garrafa de champanhe e são boas pedidas para presentear. A caixa com o Perrier-Jouët Blasón Rosé sai por 540 reais e a caixa com o Perrier-Jouët Grand Brut sai por 520 reais.

Quem quiser experimentar apenas um sabor, na loja estão disponíveis a trufa de rosas e pimenta-branca que harmoniza com o Perrier Jouët Blasón Rosé e trufa de limão siciliano e manjericão que leva a companhia do Perrier-Jouët Grand Brut.

Chianti Chocommelier

Rua Mateus Grou, 40, Pinheiros, tel. (11) 2338-4000 São Paulo, SP, chiantichocommelier.com.br

Matérias Relacionadas