Chefs

Arnor Porto

Loup, Cantaloup e Roceiro da Pâtisserie

Depois de trabalhar em uma fazenda de cacau, onde passou grande parte de sua infância, Arnor Porto começou sua carreira em 2005, na cozinha do Hotel Copacabana Palace, no Rio de Janeiro. Entrou para trabalhar na faxina da cozinha, mas atento às oportunidades, agarrou a chance quando surgiu a vaga de auxiliar de confeitaria, área pela qual se apaixonou.

Aos poucos, Arnor foi crescendo na profissão. Fez uma série de viagens com foco na especialização profissional, passando por França, Itália, Inglaterra e Espanha. No Brasil, mudou-se para São Paulo e, com maestria, comandou a confeitaria do Hotel Emiliano, colocando o endereço na rota das boas sobremesas.

Suas receitas têm como marca a mescla dos ingredientes brasileiros, com base clássica, além da variedade de texturas, aromas e sabores. É por isso que Arnor surpreende os comensais e também vence uma série de prêmios e concursos.

Continua após o anúncio

Hoje, Arnor Porto é reconhecido como grande mestre-chocolatier, é embaixador da Callebaut, e acaba de lançar o projeto Roceiro da Pâtisserie, no qual passa pela cidade oferecendo sobremesas de qualidade.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Leia também

Fechar
Botão Voltar ao topo