Destaque PrincipalNotícias

Sem tédio: uma lista de filmes para quem é apaixonado por cozinha

Nesse período de quarentena, que tal se inspirar com receitas que roubaram a cena em longas-metragens?

Durante a pandemia do covid-19, o pedido das autoridades e especialistas do setor de saúde é de que fiquemos em casa. Apesar da importância de estarmos atentos às notícias e aos cuidados sobre o coronavírus, é fundamental aproveitar o tempo de sobra para descansar e desconectar.

Para isso, nada melhor do que assistir bons filmes e, quem é apaixonado por cozinha, testar novas e deliciosas receitas. Dessa maneira, e unindo as duas paixões, selecionamos alguns filmes relacionados a comida para acabar com o tédio e a fome.

Ratatouille (2007)

Ratatouille | Foto: reprodução

Uma das animações mais famosas sobre gastronomia mostra as aventuras do ratinho Rémy e de Alfredo Linguini, um atrapalhado ajudante do restaurante de Auguste Gusteau. Com o sonho de se tornar um grande chef, mas sempre sendo expulso das cozinhas, o ratinho se esconde sob o chapéu de Linguini e indica o que ele deve fazer ao cozinhar, resultando em uma inusitada e divertida parceria.

Continua após o anúncio

Julie & Julia (2009)

Foto: reprodução

O filme mostra a história de duas mulheres: a famosa cozinheira Julia Child (Meryl Streep) e uma funcionária pública frustrada, Julie Powell (Amy Adams), que decide cozinhar, em um ano, as 524 receitas do livro de Julia Child, o “Mastering the Art of French Cooking”, relatando a empreitada em seu blog. O longa é um relato sobre superação, resiliência e, sobretudo, amor pela gastronomia.

 

 

Chocolate (2000)

Foto: reprodução

A chocolatière Vianne Rocher (Juliette Binoche) e sua pequena filha (Victorie Thivisol) mudam-se para um pequeno vilarejo fictício na França, chamado Lansquenet. O longa se passa no ano de 1959 e, na cidade, Vianne decide abrir uma loja de chocolates, dividindo opiniões da população local, bastante religiosa e que se incomoda com a forma leviana de a protagonista levar a vida. Mas é com os encantadores chocolates que ela consegue, aos poucos, persuadir os moradores de Lansquenet. Há ainda a participação de Johnny Depp, que interpreta Roux, um cigano que chega para criar ainda mais conflitos.

 

Comer, Rezar, Amar (2010)

Foto: reprodução

Julia Roberts interpreta a escritora norte-americana Elisabeth Gilbert, que resolve se divorciar e mudar de vida. Nessa nova empreitada, a protagonista viaja para a Itália, Índia e Bali em busca de autoconhecimento. É no País da Bota, no entanto, que ela descobre a arte do prazer à mesa. Em suma, é um relato sobre a importância de assumir a responsabilidade pelo próprio contentamento, deixando de viver no conformismo.

 

 

Chef (2014)

Foto: reprodução

Após ser demitido do restaurante que há anos trabalhava, tendo ainda a briga com o chefe gravada e espalhada pela internet, o renomado cozinheiro Carl Casper (Jon Favreau) recebe a ajuda de sua ex-esposa (Sophia Vergara) para reiniciar a vida no comando de um trailer de comida.

 

 

 

Esqueceram de Mim (1990)

Foto: reprodução

O tradicional filme de fim de ano conta a história de Kevin que, depois de brigar com a família um dia antes de uma viagem em que todos iriam para Paris, deseja não ter família. Seu pedido é atendido e ele acaba esquecido pelos pais. Ao acordar, descobre estar sozinho em casa e, então, começa a comemorar que seu sonho tenha sido realizado, aproveitando para comer tudo o que tem direito. Porém, a alegria dura apenas até descobrir que bandidos querem roubar sua casa.

Figurinha carimbada de filmes dos EUA, o eggnog é conhecido por aqui como gemada. A receita americana, que você encontra aqui, foi adaptada pelo chef Piero Franchini. Ele deu um toque de brasilidade ao preparo, substituindo o rum ou o conhaque por cachaça envelhecida, enquanto raspas de puxuri fizeram as vezes da noz-moscada.

“Eu sempre tomei muita gemada e desejava provar o eggnog. Quando viajei com a família para os Estados Unidos, meu pai comprou uma versão sem álcool para que eu provasse. Pensei que iria me acabar ali, mas, era completamente diferente do que eu imaginara. Além da gema, tinha a textura aerada da clara do ovo”, afirma Piero.

Etiquetas
Mostrar mais

Prazeres da Mesa

Lançada em 2003, a proposta da revista é saciar o apetite de todos os leitores que gostam de cozinhar, viajar e conhecer os segredos dos bons vinhos e de outras bebidas antecipando tendências e mostrando as novidades desse delicioso universo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar