NotíciasReportagens

Nos bastidores do The Taste

Felipe Bronze
Felipe Bronze

Por Daniela Caravaggi

Apesar de já conhecidos nas telinhas, os chefs André Mifano, Felipe Bronze e Claude Troisgros se preparam para mostrar uma nova face no próximo ano. O novo trio de jurados, com personalidades totalmente diferentes, entrará na programação do canal GNT no programa The Taste Brasil. Em meio ao fenômeno Masterchef, eles revelam como pretendem agir com os novatos na cozinha.

“Mifano é hiperativo, mas extremamente clássico na cozinha. Há a cozinha tecnológica de Bronze e o jeito tradicional de Claude. Três pontos de vista em um mesmo programa”. Foi assim que o diretor da atração, Roberto D’Avila, apresentou os jurados.

Continua após o anúncio

Prazeres da Mesa acompanhou uma das primeiras gravações e pôde perceber o clima descontraído entre eles. O que comandava a “bagunça organizada” era Mifano, que brincava o tempo todo com os companheiros. Ele, que jurou nunca mais voltar a um programa de televisão, diz que ficou encantado com a proposta do The Taste Brasil justamente por não ter roteiros e por ele poder ser o que é de verdade.

“Eu só estou aqui porque é real. Posso falar o que eu quiser, agir como eu quiser. Temos personalidades diferentes, três jeitos de cozinhar diferentes, mas somos amigos que se entendem e se divertem muito. Nunca ri tanto no dia a dia como aqui. Isso é o dia inteiro. Tento ficar de mau humor, mas não consigo (risos)”, disse o jurado.

Brincadeiras à parte, também é preciso ter disciplina e comprometimento na profissão. Mifano ressalta que os novos cozinheiros, em especial, os candidatos do The Taste, precisam ter consciência que o respeito é fundamental na cozinha. Além disso é preciso ter humildade (não pode chegar na cozinha dando opiniões) e vontade, porque o resto se aprende. Ele conta que começou a cozinhar por opção: “Ou era construção civil ou pia, e o que eu escolhi?”. A linha entre a seriedade e a brincadeira do jurado deve ser situação constante nos dez episódios do programa.

Claude
Claude Troisgros

Felipe Bronze, por sua vez, embora também tenha seu humor, tem um perfil totalmente diferente de Mifano. Mais ponderado em suas palavras, ressalta que não tem perfil de chef ditador. Se autodenominando como “entusiasta” do talento, ele gosta de ouvir opiniões e destaca que a criatividade e a técnica são os pontos principais para quem quer cozinhar.

“Apenas me reservo o papel de dar a última palavra no meu restaurante, mas até o momento, gosto de ver ideias”, destacou.

Veterano em programas de televisão, o chef, assim como Mifano, espera entrar na casa das pessoas e passar uma filosofia sobre comida para quem assiste.”Se as pessoas começarem a comer melhor, porque estão entendendo como a gente pensa, o jogo já está ganho”, disse Bronze, que ouviu seu parceiro completar: “Se eu entrar na cabeça de um desses caras (participantes do programa) já estou feliz. Imagina se conseguir convencer o público?”.

Confira também Nos bastidores com Henrique Fogaça e Erick Jacquin

Em uma das fases da atração, os jurados montarão seus times com quatro participantes cada e, com suas experiências, vão treiná-los para as tarefas do programa. Tudo isso será passado aos espectadores, que poderão ver um pouco do jeito que os chefs trabalham em seus empreendimentos.

De ouvidos abertos a entrevista, que mais parecia um debate, estava Claude, o mais reservado dos jurados. O apaixonado pela profissão destacou que um bom chef precisa ter sentimento e sensibilidade, mas o principal de tudo: precisa ter amor pelo que faz. Dono do carioca Olympe e de tradicional família francesa, ele deve usar o conhecimento e ampla experiência para avaliar os pratos que serão servidos de seu próprio jeito. O chef já tem experiências em programas no GNT.

Curitiba/Paraná,Maio 2014Ao Vivo Paraná Andre MifanoFoto Carol Gherardi
André Mifano

“Estamos valorizando a profissão, não diminuindo. Os chefs não são aqueles que só gritam e batem. Muitos desvalorizam a nossa profissão e criam um personagem em volta. Na verdade, somos artesãos e não estrelas”, finalizou o chef.

Mostrar mais

Prazeres da Mesa

Lançada em 2003, a proposta da revista é saciar o apetite de todos os leitores que gostam de cozinhar, viajar e conhecer os segredos dos bons vinhos e de outras bebidas antecipando tendências e mostrando as novidades desse delicioso universo.

Artigos relacionados

Leia também

Fechar
Botão Voltar ao topo