Destaque PrincipalNotíciasReportagens

The World’s 50 Best Restaurants 2019

A Casa do Porco Bar, de Jefferson Rueda, é a única casa brasileira da lista. O restaurante francês Mirazur é o melhor do mundo

Os 50 melhores restaurantes do mundo foram anunciados nessa terça-feira, 25, direto de Singapura. O prêmio The World’s 50 Best Restaurants havia divulgado a lista das posições de 51 a 100 no último dia 18. Quatro casas brasileiras entraram na lista.

O Brasil também marca presença entre os 50 melhores restaurantes. Desse modo, a Casa do Porco Bar, de Jefferson e Janaina Rueda, garantiu a 39 ª posição. No ano passado, o restaurante paulistano estava em 79º lugar. O melhor restaurante da América Latina é o Central, do Peru, comandado por Virgílio Martinez. A casa conquistou a 6ª posição.

O primeiro lugar ficou com o Mirazur, em Menton, na França, que havia ficado em 3º lugar no ano anterior. Na sequência está o Noma, de Copenhague, na Dinamarca. O restaurante, que já foi melhor do mundo, tinha fechado as portas em 2017 e reabriu em novo endereço em fevereiro do ano passado. Por isso, estava fora da lista em 2018. Agora, ele volta garantindo o segundo lugar e o título de melhor nova entrada. Completando o pódio, está o Asador Etxebarri, de Atxondo, na Espanha, que subiu sete posições.

Continua após o anúncio

Dominique Crenn, do Atelier Crenn, estreou logo no 35º lugar. E a chef virá ao Brasil, em outubro, para participar do Congresso Mesa Tendências, no Mesa São Paulo.

The 50 Best Restaurants 2019
Atelier Crenn, de Dominique Creen, faturou o 35º lugar

Novas regras

Uma nova regra foi responsável pelas grandes mudanças no top 10. A partir de agora, portanto, restaurantes que já foram eleitos em primeiro lugar se tornam inelegíveis. Foi o caso de Eleven Madison Park, de Daniel Humm, em Nova York, nos Estados Unidos. E do Osteria Francescana, de Massimo Bottura, em Módena, na Itália; além de El Celler de Can Roca, dos irmãos Joan, Josep e Jordi Roca, em Girona, na Espanha. O Noma foi exceção, pois foi considerado um novo restaurante, devido às mudanças de lugar e de conceito.

Prêmios individuais

The World’s 50 Best Restaurants
Jefferson Rueda e Zaiyu Hasegawa, do Den

The World’s 50 Best Restaurants também divulgou os prêmios individuais. A categoria Miele One to Watch 2019, que reconhece um restaurante com forte potencial para fazer parte da lista nos próximos anos, foi para Lido 84, em Riviera, na Itália. O restaurante é comandando pelo chef Riccardo Camanini.

Jessica Préalpato, do Alain Ducasse au Plaza Athénée, em Paris, na França, é a Chef Confeiteira do Ano. Daniela Soto-Innes, dos Estados Unidos, foi eleita Melhor Chef Mulher. Ela comanda Cosme e Atla, ambos de cozinha mexicana.

O chef de L’Arpège, em Paris, Alain Passard, levou o prêmio Chefs Choice Award 2019. O chef espanhol radicado nos Estados Unidos José Andrés ganhou o prêmio American Express Icon Award 2019. Ele é reconhecido por seu trabalho humanitário e, inclusive, foi indicado para o Nobel da Paz, no ano passado.

A Suíça, por sua vez, levou o título de Restaurante Sustentável do Ano. O restaurante do castelo Schloss Schauenstein, considerado patrimônio suíço, levou o título. O Japão, por fim, tem a casa com o melhor serviço. O prêmio The Art of Hospitality foi para o Den, de Tóquio.

The 50 Best Restaurants 2019
Jefferson e Janaina Rueda ao lado de Daniela Soto-Innes, eleita Melhor Chef Mulher

Lista completa

Confira abaixo a lista completa de 2019 de The World’s 50 Best Restaurant

  • No.50 Schloss Schauenstein, Fürstenau, Suíça
  • No.49 Leo, Bogotá, Colômbia
  • No.48 Ultraviolet by Paul Pairet, Shanghai, China
  • No.47 Benu, São Francisco, Estados Unidos
  • No.46 De Librije in Zwolle, Netherlands
  • No.45 Sühring in Bangkok, Tailândia
  • No.44 The Test Kitchen, Cape Town, África do Sul
  • No.43 Hof Van Cleve, Kruishoutem, Bélgica
  • No.42 Belcanto, Lisboa, Portugal
  • No.41 The Chairman, Hong Kong, China
  • No.40 Restaurant Tim Raue, Berlin, Alemanha
  • No.39 A Casa do Porco, São Paulo, Brasil
  • No.38 Hiša Franko, Kobarid, Eslovênia
  • No. 37 Alinea, Chicago, Estados Unidos
  • No.36 Le Bernardin Nova York, Estados Unidos
  • No.35 Atelier Crenn, São Francisco, Estados Unidos
  • No.34 Don Julio, Buenos Aires, Argentina
  • No.33 Lyle’s, Londres, Inglaterra
  • No.32 Nerua, Bilbao, Espanha
  • No.31 Le Calandre, Rubano, Itália
  • No.30 Elkano, Getaria, Espanha
  • No.29 Piazza Duomo, Alba, Itália
  • No.28 Blue Hill, Stone Barns, Pocantico Hills, Estados Unidos
  • No.27 The Clove Club, Londres, Inglaterra
  • No.26 Boragó, Santiago, Chile
  • No.25 Alléno Paris au Pavillon Ledoyen, Paris, França
  • No.24 Quintonil, Cidade do México, México
  • No.23 Cosme, Nova York, Estados Unidos
  • No.22 Narisawa, Tóquio, Japão
  • No.21 Frantzén, Estocolmo, Suécia
  • No.20 Tickets, Barcelona, Espanha
  • No.19 Twins Garden, Moscou, Rússia
  • No.18 Odette, Singapura
  • No.17 Steirereck, Vienna, Áustria
  • No.16 Alain Ducasse au Plaza Athénée, Paris, França
  • No.15 Septime, Paris, França
  • No.14 Azurmendi, Larrabetzu, Espanha
  • No.13 White Rabbit, Moscou, Rússia
  • No.12 Pujol, Cidade do México, México
  • No.11 Den, Tóquio, Japão
  • No.10 Maido, Lima, Peru
  • No.9 Disfrutar, Barcelona, Espanha
  • No.8 Arpège, Paris, França
  • No.7 Mugaritz, San Sebastian, Espanha
  • No.6 Central, Lima, Peru
  • No.5 Geranium, Copenhague, Dinamarca
  • No.4 Gaggan, Bangkok, Tailândia
  • No.3 Asador Etxebarri, Atxondo, Espanha
  • No.2 Noma, Copenhagen, Dinamarca
  • No.1 Mirazur, Menton, França

Etiquetas
Mostrar mais

Prazeres da Mesa

Lançada em 2003, a proposta da revista é saciar o apetite de todos os leitores que gostam de cozinhar, viajar e conhecer os segredos dos bons vinhos e de outras bebidas antecipando tendências e mostrando as novidades desse delicioso universo.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo