Destaque PrincipalRestaurantesVegetariana

Naturalie, culinária vegetariana cheia de sabor

Segunda casa da chef Nathalie Passos, em Ipanema, é bom destino para relaxar, apreciar boas receitas sem carne e degustar sucos refrescantes

A jovem chef Nathalie Passos acumula grandes méritos na gastronomia brasileira. Ao fazer uma culinária vegetariana cheia de sabor, com combinações instigantes e sabores que fazem com que o comensal não sinta nenhuma falta de proteína animal, ela já merece aplausos. Mas Nathalie vai além. Faz isso com naturalidade e sem ir para a avenida fazer passeata contra churrascarias.

Depois de quatro anos de sucesso em Botafogo, portanto, o Naturalie Bistrô ganhou no começo de 2019 uma segunda casa em Ipanema. Pequena e charmosa, a unidade tem como novidade as embalagens para viagem. Além disso, há sugestões prontas para quem está com um pouco mais de pressa. Mas o gostoso é ficar por lá provando sucos e compartilhando pratos.

Continua após o anúncio

Boas pedidas

Nas entradas, o faláfel com babaganuj e cebola caramelizada e o milho cubano (espiga com creme de páprica e amêndoas) são pedidas certeiras. Mas o bolinho integral de tomate, ricota de búfala defumada e tomate confit é desses pratos que marcam e entram na lista dos favoritos. Mas como definir a lasanha de abobrinha, com molho de tomate da casa e ricota de búfala temperada com ervas frescas? Ou a moqueca de banana-da-terra e palmito-pupunha, com arroz cateto de coco e farofa de banana-passa? Delicadas, ricas, perfumadas e suculentas. São preparações que conquistam e mostram que a cozinha quando tratada com amor e respeito não precisa ser rotulada e segmentada para um nicho. É, simplesmente, para o paladar de todos.

Além disso, sucos especiais e refrescantes, como o verde (couve, limão, maçã, gengibre, cenoura, pepino e linhaça); melanina (laranja, beterraba, cenoura e espinafre); e o alcalino (limão, água de coco, capim-limão e mel) fazem tudo ficar ainda melhor. Só não se esqueça de deixar espaço para a tentadora mousse de tapioca, frutas e farelo de amêndoas. É desses finais de refeição que deixam a alma mais leve e feliz.

Tartar de banana
Moqueca de banana-da-terra e palmito-pupunha

    Etiquetas
    Mostrar mais

    Ricardo Castilho

    Ricardo Castilho é diretor editorial de Prazeres da Mesa

    Artigos relacionados

    Leia também

    Fechar
    Botão Voltar ao topo